#main-nav ul li.menu-item-home a , #main-nav ul li.menu-item-home.current-menu-item a{ background-image: none !important; text-indent: 0; }
HOME » DE DENTRO PRA FORA » O que tem do lado de lá?

O que tem do lado de lá?

“… Se não ousarmos fazer a travessia, teremos ficado para sempre a margem de nós mesmos”. ( Fernando Pessoa)

Tenho observado, através do atendimento que faço no consultório, bem como nos atendimentos de coaching,  muitos profissionais que me procuram para falar o quanto  é  difícil libertar-se do passado e seguir em frente.

As experiências negativas vão deixando pequenos ou grandes “restos” emocionais. São emoções que ficam presas a situações passadas. Existem emoções presas que são facilmente identificáveis.

Lembro-me de um caso mais recente em que um profissional procurou-me para sessões de coaching. Estava desempregado e queria se preparar para uma nova colocação no mercado de trabalho. Contou-me que tivera uma empresa em sociedade com um amigo e que ficara muito decepcionado por ter deixado a sociedade, mas não podia continuar devido a incompatibilidade  com o sócio. Apos ter saído desta empresa, conseguiu uma nova colocação mas acabou sendo demitido sem completar três meses de emprego. Novas tentativas foram feitas, porém sem sucesso. Aprofundei a investigação para analisar os motivos das demissões. No relato, o profissional dava claras evidências de que tudo fazia para ser dispensado, como por exemplo: chegava tarde, óbvio que justificava que o carro quebrou, o ônibus atrasou, o filho ficou doente e por aí afora… em outra ocasião o chefe tentou chamá-lo para uma reunião de emergência mas não o encontrou. Motivo? Seu celular estava desligado… com as desculpas de sempre…  “não entendo como isso aconteceu…”. O tempo todo reclamava da empresa atual, lembrando daquela em que era sócio: lá eu fazia assim… lá a coisa funcionava… não concordo com a forma que vocês trabalham… Ah… mas na empresa que eu trabalhava era desta maneira…

Num dado momento perguntei-lhe: – Quando você vai sair da empresa em que era sócio? Ele respondeu-me: “Você não entendeu, eu saí no ano passado”. Eu tornei a perguntar: Quando você vai sair da empresa? Ele olhou-me sem entender e novamente respondeu: “eu já saí faz tempo.. .” E mais uma vez voltei  a repetir: Quando você vai sair da empresa??!! Ele olhou-me com um olhar intenso e respondeu: eu ainda não sai de lá, não é?

Seus olhos se encheram de lágrimas e o silêncio foi necessário para uma plena elaboração do que acabara de tomar consciência. Na outra semana quando retornou tinha um novo brilho no olhar e o melhor estava por vir…

Sempre penso no quanto um grande número de pessoas ficam presas em algo bom ou ruim que aconteceu, seja um trabalho, seja um relacionamento, uma casa, um carro, etc. Quando vi este arco no Peer 39, aqui em São Francisco, tive um insight.: como é simbólica esta imagem… “o que tem do lado de lá? Vejo como uma porta. O que você vê?”

As dificuldades na vida representam portas que temos que  necessariamente  atravessar. Essas portas não estão na nossa  frente para impedir-nos de entrar. Elas apenas estão ali para preparar-nos para aquilo que nos espera do outro lado.

Grande abraço,

Elisabeth Sversut

14 comentários

  1. Roberta Mancine Rodrigues

    Adorei….parabens!!! Servi mto p mim!!! bjos

  2. Isabela Menani

    Linda história,vale a pena parar e refletir.Beijos

  3. Nossa, sempre me sinto tocada por esses posts que nos fazem pensar sobre as situações da vida e como lidamos com elas…..Amei a mensagem! ❤❤❤
    Bjossss

  4. Que bom que tenha sido útil pra você, Roberta. Agradeço seu retorno.
    Abração!
    Beth

  5. Que bom que esteja gostando, Isabela! Continue deixando seus comentários.
    Beijos
    Beth

  6. Querida Jô, que bom que as mensagens estejam lhe tocando. Fico feliz e agradeço seus retornos.
    Beijos,
    Beth

  7. rita de cássia sversut arsioli

    Linda a mensagem, que nos faz perceber o quanto é importante se desligar do passado e olhar com grande intensidade para o que virá.
    Beijos.

  8. Muito lindo o texto.
    Veio no momento certo! Uma mãe de uma amiga tão especial nao podia ser diferente.
    😉
    Parabens pelo blog, esta maravilhoso!
    Beijos
    Nathalia

  9. Exatamente querida. E assim atrair somente coisas boas! Abração!

  10. Obrigada Nathalia! Que bom que tenha gostado.
    Ë muito importante e gratificante receber retornos. Grande abraço!

  11. Elisabeth, fiquei curiosa e vim ver o seu post, adorei…e o q a gente faz qdo ve varias portas abertas e nao faz ideia de qual eh o melhor caminho a ser seguido? Bjao.

  12. Wal,

    Pense nas possibilidades que estão à sua frente. No processo de coaching sempre oriento a analisar os prós e contras de cada uma. Você poderá observar qual é a que tem mais pontos a favor do que contra. E que bom que tenha várias escolhas! Ouça sua voz interior, gosto de chamá-la de “Sabedoria Divina” Certamente será a melhor escolha..

    Obrigada por escrever. Continue conosco! Abraços

  13. Parece que foi feito para mim esse texto, incrível…veio no momento certo, na hora certa…ameiiii…bjosss

  14. Fico feliz com isso. Grande abraço Bia

    Elisabeth

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

Scroll To Top